O Home Office e ou trabalho em casa vem se expandindo no Brasil com o avanço das tecnologias.

domingo, 29 de janeiro de 2012

TECNOLOGIA: BANDA LARGA NO CELULAR CRESCE 121% EM 12 MESES

Tecnologia: Banda larga no celular cresce 121% em12 meses



Escreve Simone e Silva Bernardino 
Agência Gazeta Mercantil
A Global Mobile Suppliers Association (GSA), entidade que representa os fabricantes de aparelhos móveis GSM/WCDMA-HSPA e LTE, liberou seu mais recente relatório que aponta a existência de 1.605 modelos de dispositivos móveis no mercado global com capacidade de suportar velocidades de transmissão de dados superiores a 1.8 Mbps, lançados por 183 fabricantes em todo o mundo, o que representa um aumento de 121% em comparação aos últimos 12 meses. O número de notebooks equipados com dispositivo HSPA triplicou e o número de smartphones dotados de capacidade banda larga também subiu 88% no mesmo período. Mais de 2/3 de todos os dispositivos HSPA (1070 modelos) suportam velocidades superiores a 3.6 Mbps e há um significativo número (595 modelos, 46% do total) que suporta velocidades superiores a 7.2 Mbps. (...).







            No mês de maio (2009)  o número de habilitações de celulares cresceu, conforme informa a redação do site terra, e agencia estado no site da globo, onde informa que no Brasil os celulares superam a 130 milhões. Foi a retomada para a telefonia celular do Brasil. Com 2.905.170 novas habilitações em maio, o número de acessos no Serviço Móvel Pessoal no país chegou a 157.501.813 - um crescimento de 1,88% no número de assinantes. Desse total, 128.755.999, ou 81,75%, são celulares pré-pagos, e 28.745.814, 18,25%, pós-pagos.



tecnologias
 Os números foram divulgados em 18/06/2009, pela Anatel. Com estes crescimentos explosivos nas vendas de dispositivos móveis e de internet como vemos abaixo os modens 3g a tecnologia para serviço remoto vai ampliando de maneira que de qualquer lugar e espaço existe o meio de se trabalhar remotamente.



O TRABALHO EM CASA EVITA MEDO

O TRABALHO EM CASA EVITA MEDO




medo
Sou uma medrosa por natureza, moro em Itapevi e todos os dias pego o trêm para trabalhar em SP. Trabalho em uma empresa de Call center. E neste dia não foi diferente como os outros. A tarde quando eu retornava estava no trem falando ao celular e senti o trêm dar uma leve tremedeira e eu desci na próxima estação faço isto quase todos os dias pelo fato da minha fobia. Mas o trêm continuou sua viagem normal tomei o próximo trem e correu tudo bem. Quando foi na sexta pela manhã a primeira reportagem da globo que vi foi do acidente.

acidente
Não foi o trêm que eu desci foi uma hora mais tarde depois que eu cheguei, porém senti que todas as pessoas que estavam ali em sua maioria se trabalhassem em casa não teriam passado por este medo terrivel muitas delas eu as conheço  inclusive o socorrista que passou na reportagem é meu visinho um ótimo rapaz fizemos faculdade na mesma instituição de ensino. Na ida para o trabalho e volta pra casa no outro dia foi impossivel não ficar nervoso tendo que tomar o ônibus debaixo de chuva. Já faz um bom tempo que venho falando aqui destes problemas. Ouve outros problemas com o trêm mas este foi um dos piores.



A natureza esta respondendo com grande força a tudo o que fazem com ela. As conduções principalmente de via férrea também estão saturadas e não suportam mais tanta gente, a cada momento estão mais lotadas. Esta linha do acidente, por exemplo, ela já sai da estação lotada em horários de pico, a sorte que neste acidente ocorrido os trens estavam praticamente vazios, acredito que em suma se muitas destas pessoas que pegam trêm todos os dias trabalhassem em casa iria diminuir uma grande parte destes problemas os que iriam utilizar as conduções mesmo seriam os que trabalham em industria, ou serviço que exige sua presença como prestação de serviço braçal.

Acredito que esta na hora de mudar a cultura brasileira e o povo sentir que se existe um meio dele estar em casa e trabalhar ao mesmo tempo porque não fazer agora.

Vejam alguns links do acidente abaixo:




                         



segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

O TRABALHO EM CASA EVITA TRANSTORNOS

O TRABALHO EM CASA EVITA TRANSTORNOS




trem em greve
Hoje sai para trabalhar e no meio do caminho 
os anúncios do maquinista no trem era estamos circulando com velocidade reduzida por problemas na sinalização, porém isto foi aumentando e a demora junto, até que chegamos na cidade de Carapicuíba vimos um trem cheio de gente ao lado parado com uma máquina tentando pucha-lo.





E o restante vejam no link abaixo;
pane em trem




Em resumo se a maioria trabalhasse em casa estava livre destes transtornos.






trem















OS COMPONENTES DO AMBIENTE DE TRABALHO parte 3

OS COMPONENTES DO AMBIENTE DE TRABALHO parte 3:



fotos
Além dos dispositivos aqui já citados existem muitos outros hoje no mercado cada dia é lançado vários equipamentos seja grande ou pequeno notebook que cabe dentro de uma pequena bolsa, por exemplo, com telas de apenas cinco polegadas ou até menor que facilita ser levados a qualquer lugar onde tendo sinal de internet há possibilidade de se conectar com o mundo. Para que estes dispositivos possam funcionar existe uma grande demanda de softwares de várias empresas que as compõem entre eles o Java da Sun, porém a IBM não fica atrás onde em outubro de 2008 lançou softwares e serviços para dispositivos móveis que oferecem novas funcionalidades em mobilidade, tanto para negócios como para uso pessoal. Com eles, as milhões de pessoas que trabalham remotamente poderão tomar decisões de negócios com mais rapidez e manter maior contato com clientes e colegas de trabalho. Os lançamentos resultam de pesquisas realizadas pela IBM que apontam grandes oportunidades no mercado de dispositivos móveis.

trabalhar em casa

De acordo com um relatório recente do Institute for Business Value da IBM, o número de usuários de Internet móvel ao redor do mundo está se aproximando de um bilhão, um aumento de 191% em relação a 2006 e uma taxa de crescimento anual calculada em 24%. Além disso, 67% de todos os trabalhadores hoje em dia usam computação wireless.
Outro estudo, realizado pelo Rutberg & Co., centro de pesquisa de tecnologia localizado em São Francisco, indicou que o investimento de capital em aplicativos móveis saltou de US$ 202 milhões no segundo semestre de 2007 para US$ 383 milhões no primeiro semestre de 2008, um aumento de 90%.
"A web móvel representa uma das maiores oportunidades que temos visto na última década para os mercados emergentes, sendo que bilhões de pessoas buscam acessar uma ampla gama de serviços, tanto para negócios quanto para uso pessoal", disse Drew Clark, diretor de estratégia da IBM Venture Capital Group. "Com os softwares da IBM para dispositivos móveis estamos eliminando lentamente a necessidade de um PC, já que as pessoas terão todas as informações de que necessitam - de e-mail a análises de desempenho de negócios - disponíveis na palma da mão".” Setembro; Juliana   Assessoria de Imprensa IBM - In Press Brodeur – ( 2008).



            A assessoria de imprensa IBM apresentou no dia 10 de outubro de 2008 em São Paulo, o lançamento de softwares e serviços para dispositivos móveis que oferecem novas funcionalidades em mobilidade, tanto para negócios como para uso pessoal, onde os softwares da IBM são criados com base em padrões abertos para que possam ser usados com a maioria das plataformas móveis, incluindo Blackberry, iPhone, Windows Mobile e Symbian. Também apresentou soluções para ajudar as empresas a gerenciarem um ambiente de trabalho móvel. As soluções estão relacionadas a seguir:
a)    Mobility@
b)    Lotus Quickr
c)    Rational Business Developer
d)    IBM Rational Host Access Transformation
e)    WebSphere Business Monitor.
Estes softwares oferecem informações em tempo real em painéis personalizáveis para identificar problemas, corrigir exceções e alterar processos. Com o lançamento destes softwares cada vez mais empresas poderão contratar funcionários remotos e programadores onde irão trabalhar de qualquer lugar do mundo com aparelhos que cabem na palma da mão sem a necessidade de estarem presentes na empresa que os contratarem. Sabemos que há uma grande falta de funcionários especializados em tecnologia da informação, portanto agora há como se contratar os profissionais altamente qualificados de qualquer parte do mundo.



Além dos softwares acima a IBM se juntou com a Skype onde passaram a integrar funcionalidades Skype com o LotusLive, os serviços em nuvem (cloud services) da IBM pensados para ajudar as pessoas a criarem comunidades e trabalharem da forma mais racional e eficaz possível dentro e fora das suas próprias empresas. O serviço de chamadas de voz e vídeo da Skype adicionará grandes funcionalidades de comunicação em tempo real ao LotusLive, facilitando o trabalho em conjunto de empresas na "nuvem".  Os funcionários das empresas que usem LotusLive poderão utilizar o Skype para fazer ligações de voz e vídeo, bastando, para isso, clicar nos nomes ou números de telefone do Skype dos seus contatos dentro do LotusLive. Entre as futuras possibilidades encontram-se a capacidade de importar dados de contatos do Skype para os "serviços em nuvem" da IBM, aperfeiçoando a colaboração on-line. Informações estas do site reuters.com, e a Skype é uma empresa fundada em 2003, que está revolucionando a forma de comunicação em todo o mundo que também através de seu programa auxilia na comunicação de acesso remoto que para utilizá-lo é necessário ter uma conexão de Internet de banda larga. O Skype não substitui o serviço de telefone tradicional e não pode ser usado para ligações de emergência. O Skype é o mais difundido serviço de telefonia pela internet que utiliza o protocolo VOIP (Voz sobre IP). É possível tanto conversar com outro usuário conectado à internet (mas com qualidade de ligação superior à de mensageiros como MSN e Yahoo Messenger) quanto com telefones fixos. Saber mais... 



E na primeira parte destes artigos sobre você pode encontrar mais informações sobre componentes, clicando aqui.



domingo, 15 de janeiro de 2012

OS COMPONENTES DO AMBIENTE DE TRABALHO parte 2

OS COMPONENTES DO AMBIENTE DE TRABALHO
parte 2:



      

teletrabalho
Isto quer dizer que no momento em que as mudanças acontecem são criados novos projetos para se adequar a nova forma de vida seja em tecnologia de informação seja em mobiliário e até mesmo em imobiliário, com novos equipamentos móveis e imóveis, onde ganha sociedade ganha o trabalhador e até mesmo o mercado com investimentos em novas tecnologias.









Luciano Soares de Souza - UNIP Fortaleza, CE (2006), diz que com o crescente avanço tecnológico na produção de dispositivos computacionais móveis como telefones celulares, PDA’s (Personal Digital Assistant ou Assistente Pessoal Digital) e smartphone’s (junção de PDA e celular), bem como em rede e tecnologia sem fio (wireless), empresas começam a incentivar o trabalho em casa (home Office) e esses dispositivos começam a fazer parte da infra-estrutura de tecnologia da informação (TI) das organizações. 
Fonte: Testware Quality Solutions por Kleber Greco – Cons. de Qualid. de Software (2008)

Pessoal peço desculpas por colocar textos tão grandes, mas acredito que esta minha pesquisa possa ajudar alguém que também esteja fazendo alguma pesquisa, ou algum trabalho para faculdade entre outros. Aqui tenho tudo sobre o trabalho remoto e ou trabalho em casa. Saber mais...



domingo, 8 de janeiro de 2012

OS COMPONENTES DO AMBIENTE DE TRABALHO

Os componentes do ambiente de trabalho







ambiente



 

Álvaro Mello (2002)



Já se tem consciência que as novas demandas do ambiente de trabalho, e, conseqüentemente, as funções das instalações empresariais (prédios, equipamentos) e seus respectivos designs, layouts, etc., estão mudando o formato do local de trabalho (“work place”), juntamente com a tecnologia de informação, (“work tools”), o gerenciamento do processo (“work process”) e pessoal (“work force”) que se constituem nos componentes básicos do ambiente de trabalho. No que diz respeito a esta nova forma de executar tarefas e suas respectivas mudanças que estão acontecendo na tecnologia das informações (“work tools”), basta levar em conta o ritmo frenético dos avanços tecnológicos nas áreas de informática e comunicações. Em termos de mudanças no gerenciamento dos processos de trabalho (“work process”), considere-se os significativos impactos na estrutura organizacional na adoção de estratégias tais como reengenharia, terceirização, downsizing, etc. 



As mudanças que estão acontecendo com o pessoal (“work force”), devem refletir sobre as características, atitudes e aspectos demográficos do perfil do pessoal que trabalha hoje nas empresas comparado com aquele de alguns anos atrás. A melhor adequação do espaço destinado ao trabalho pode então se transformar numa boa oportunidade para os profissionais afins, quer sejam empreendedores, arquitetos ou engenheiros, responsáveis pelos projetos desses ambientes. É reconhecida uma certa inércia no mercado imobiliário, mas no longo prazo, as mudanças acabam acontecendo.

                                OS COMPONENTES DO AMBIENTE DE TRABALHO - 4 W 

Fonte: Sobratt




quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

TECNOLOGIAS

TECNOLOGIAS




 A tecnologia da informação propicia toda e qualquer facilidade para que haja comunicação entre todo o mundo através da internet, onde podemos falar através de emails, vídeos conferencias, telefonia sobre IP, etc. Toda a sorte de comunicação seja via radio, wirelles, cabo entre outras são muitas as tecnologias existentes, desta maneira facilita a comunicação e por fim o trabalho remoto, qualquer computador pode se comunicar entre si, qualquer pessoa com algum conhecimento de informática tem como se comunicar via mensagem por e-mail entre outros e assim facilitar a aproximação cada vez mais de pessoas distantes e porque não dizer de trabalhos distantes.




Álvaro Mello da Sobrat deduz que as tecnologias da informação e das comunicações incorporam, atualmente, um novo conceito nas práticas de trabalho no cotidiano das organizações. As organizações, até pouco tempo concebidas como entidades geográficas, passarão cada vez mais a serem entendidas tal qual um espaço em rede, ou seja, um arranjo organizacional físico-virtual de trabalho. Isto induzirá, conseqüentemente, a mudanças radicais na organização e cultura empresarial ficando cada vez mais difusa a distinção entre empregado e auto-empregado, assim como a própria definição de local de trabalho.

















Quando a palavra é tecnologia, remete-se à praticidade, modernidade, desenvolvimento, etc. É o que acontece hoje em relação ao ambiente de trabalho que, cada vez mais, está se tornando virtual.  A internet é a grande responsável por toda esta transformação do ambiente de trabalho, tradicionalmente conhecido, em que exigia a presença física das pessoas para desenvolverem suas atividades. Junto com a internet, ferramenta até agora insubstituível, foram criadas verdadeiras estações de trabalho que podem estar presentes nas empresas, mas também podem ser deslocadas para fora dela, em qualquer outro lugar com infra-estrutura adequada, inclusive para a residência daquele que efetua o trabalho e com a ampliação dos serviços de internet poderemos chegar bem mais longe.



domingo, 1 de janeiro de 2012

TECNOLOGIAS



TECNOLOGIAS





Veremos agora as tecnologias usadas para se estabelecer uma conexão remota e ao mesmo tempo existir o trabalho remoto, ou seja, o trabalho remoto hoje para existir tem que ter equipamentos necessários e estes equipamentos nada mais é do que a sua tecnologia. O prof. Luiz Francisco dias da Universidade de Mogi das Cruzes no seu Trabalho apresentado no NP08 – Núcleo de Pesquisa Tecnologias da Informação e da Comunicação, A introdução teletrabalho na sociedade contemporânea sobre a utilização das ferramentas de comunicação em 2002. Diz que o acesso cada vez mais facilitado à Internet resulta na possibilidade de recolher uma grande quantidade de informação, anteriormente dificultada por distâncias físicas.

tecnologia
A utilização da rede traduz-se num aumento de produtividade (uma vez que evita deslocações de casa para o local de trabalho, assim como visitas a clientes e fornecedores). É ainda de referir a flexibilidade horária inerente, redução de custos para a entidade empregadora e para o trabalhador, com a diminuição do stress e o acréscimo na motivação, melhoria do meio ambiente e a racionalização das instalações necessárias dos escritórios tradicionais. 



As transformações tecnológicas que interligam os locais de trabalho requerem flexibilidade no modo de organizar o trabalho e administrá-lo. Para que as pessoas mudem suas maneiras de trabalhar, os gerentes terão que mudar a maneira como gerenciam.  
O trabalho à distância, efetuado a partir de casa em Centros de Trabalho, utilizando as novas Tecnologias da Informação, como a Internet, e-mail e a videoconferência. Estas novas tecnologias permitem disponibilizar a informação independentemente do local onde cada um se encontra, conduzindo a novas formas de executar as suas tarefas.” (Dias; prof. Luiz Francisco, Universidade de Mogi das Cruzes-Trabalho apresentado no NP08 – Núcleo de Pesquisa Tec. da Inf. e da Comunicação, XXV Congresso Anual em Ciência da Comunicação, Salvador/BA, 2002.)
Tecnologia